top of page
  • Foto do escritorFundação Beneficente Lucas Araújo

Fundação Lucas Araújo inaugura o Edifício Dom Ercílio



Com 91 anos de história, a Fundação Beneficente Lucas Araújo atua na área de assistência social em Passo Fundo por meio do Lar da Menina Pe. Paulo Farina e da Instituição de Longa Permanência para Idosos (ILPI) São José e João XXIII. Com 70% da renda para manutenção oriunda do uso de seu patrimônio, a Entidade inaugurou, nesta segunda-feira (09), mais um espaço que, além de atender a demanda de moradia da cidade, trará renda para o desenvolvimento dos trabalhos. A abertura oficial das portas do Edifício Dom Ercílio contou com a presença de lideranças, autoridades, representantes de entidades e instituições, além de parceiros, colaboradores, funcionários e amigos da Fundação.


O diretor da Entidade, Luiz Costella, apresentou alguns dados para os presentes e fez um resgate histórico da Fundação. Em sua fala, enalteceu o trabalho realizado ao longo de mais de nove décadas e ressaltou o comprometimento de todos para que as ações continuem sendo colocadas em prática. “Sabíamos que esse empreendimento seria desafiador para todos os envolvidos. Tivemos um trabalho de muitas mãos e que hoje inauguramos com muita felicidade. A partir dele, teremos mais possibilidades de renda o que, consequentemente, nos ajudará a manter as atividades e a cuidar ainda mais dos atendidos”, pontuou, ressaltando a importância do espaço para a manutenção do trabalho social.


Com 99 unidades, o Edifício Dom Ercílio chega em um momento em que a Entidade necessita de recursos. Para o presidente da Fundação, Padre Darci Treviso, mesmo diante das adversidades, a Entidade tem se mantido firme nos seus propósitos, superando os desafios com fé, união e esperança. “Os desafios são imensos para se fazer assistência social na atualidade. Enfrentamos dificuldades que nos fazem refletir, mas também nos fazem enxergar o quanto somos fortes quando nos ajudamos e construímos juntos. O que nos move é o que diz Tiago ‘porque, assim como o corpo sem espírito é morto, assim também a fé sem obras é morta’. Hoje nos alegramos muito e compartilhamos isso com a comunidade, na certeza de que muitas bênçãos virão a partir desse novo espaço”, ressaltou.


Presente no evento, a promotora Cristiane Cardoso, responsável pelas Fundações junto ao Ministério Público, destacou a importância da Fundação Lucas Araújo para a comunidade. Segundo ela, a Entidade, mesmo diante de situações complexas e de falta de recursos, busca desenvolver suas atividades com ética, respeito e cuidado. “Tenho acompanhado de perto as ações da Fundação. Conheci seu trabalho com o Pe. Paulo Farina, que me levou de carro para enxergar de perto todas as ações que eram realizadas. Além de me encantar, vi ali uma Entidade séria, comprometida e que respeita as leis para fazer o seu melhor. O Ministério Público tem atuado para dar o suporte necessário, num trabalho coletivo e de parceria”, de stacou a promotora.


Um homenageado repleto de histórias


A Fundação segue a tradição de homenagear bispos e arcebispos em seus prédios, passando agora, pela escolha por Dom Ercílio Simon. A data da inauguração também foi pensada, já que ocorreu juntamente com a comemoração dos 78 anos do homenageado.


Natural de Ibiaçá, ele foi ordenado sacerdote no dia 12 de dezembro de 1965 e chegou ao episcopado em 30 de dezembro de 1990. Foi bispo coadjutor de Cruz Alta entre 1991 e 1995, a partir de então exerceu o cargo de bispo diocesano de Uruguaiana. Em 17 de dezembro de 1998 foi empossado como bispo coadjutor em Passo Fundo. Veio a substituir dom Urbano Algayer como bispo diocesano a partir de 19 de maio de 1999. No período de 2007 a 2011 foi membro da Comissão Episcopal Pastoral para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-religioso da CNBB. No dia 13 de abril de 2001, o papa Bento XVI o elevou ao cargo de primeiro arcebispo da Província Eclesiástica de Passo Fundo, onde atualmente é arcebispo emérito.


Emocionado, ele proferiu algumas palavras aos presentes. Destacou a felicidade por ter sido lembrado e frisou a importância de se fazer o bem. “Estou muito feliz com essa homenagem. Mais feliz ainda por saber que aqui, além de ser um espaço para que as pessoas tenham uma moradia digna, também se fará recursos para que a Fundação Lucas Araújo continue atuando e seguindo na sua missão de fazer o bem”, pontou.


Em sua benção, o Arcebispo da Arquidiocese de Passo Fundo, Dom Rodolfo Weber, reforçou que a fé sem obras não tem sentido e que todo o ser humano é capaz de fazer o bem. “Nosso pedido é que aqui seja um lugar de felicidade e paz para aqueles que habitarem os apartamentos. Nossa alegria é dupla com esta inauguração, pois, além de oportunizar mais espaços de moradia, também colocamos em prática a caridade, uma vez que quem pagar o aluguel, não estará ajudando apenas uma pessoa, mas uma entidade que trabalha para melhorar a vida de muitas pessoas”, frisou.


Após a abertura da fita inaugural, os presentes participaram de um coquetel e foram convidados à visitar alguns apartamentos.


Para saber mais sobre o Edifício Dom Ercílio, basta acessar o site da Imobiliária Ariotti.




2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Como Ajudar

Faça parte da rede de solidariedade da Fundação Beneficente Lucas Araújo. Você pode colaborar de diversas formas: doando dinheiro, sendo voluntário, ou doando materiais e alimentos. Escolha a forma que mais combina com você e ajude a transformar vidas. Clique no botão abaixo e saiba mais.

bottom of page