top of page
  • Foto do escritorFundação Beneficente Lucas Araújo

Compartilhar, crescer e encorajar



Fundação Lucas Araújo lembrou o Dia Internacional da Mulher com uma atividade coletiva

O Dia Internacional da Mulher, lembrado na última sexta-feira (08), foi marcado pela troca de vivências e experiências na Fundação Beneficente Lucas Araújo. Reunindo atendidas do Lar da Menina Pe. Paulo Farina, idosas da Instituição de Longa Permanência (ILPI) e funcionárias, a direção promoveu uma roda de conversa que abordou o compartilhamento, a coragem e a força para superar desafios.


De acordo com a coordenadora Geral, Jurema Bruschi, a ideia foi promover um momento de confraternização entre as várias realidades que integram a Fundação. “Foi uma atividade única e especial. Sentimos a alegria, a força e a vontade de crescer de todas as mulheres que contaram um pouco da sua história”, destacou.


A convidada para liderar a conversa foi a professora da Universidade de Passo Fundo (UPF), Elizabeth Foschiera. Ela deu início à atividade com uma dinâmica que estimulou a reflexão do olhar de uma sobre a outra. Segundo ela, a intensão foi promover uma integração para que as pessoas pudessem contar um pouco das suas histórias. “Foi uma experiência muito boa. Foi um momento de ludicidade, mas também de reflexão sobre as lutas, desafios e sobre o quanto ainda precisamos caminhar. Somando esforços, iremos mais longe”, destacou.


Da mais experiente até a mais nova, várias mulheres trouxeram relatos e compartilharam suas vidas. Dona Lídia Granville, sempre presente nas ações desenvolvidas pela Entidade, contou a sua experiência e, em sua fala, ressaltou a importância das mulheres não terem vergonha de serem quem são, do que fazem e de sua trajetória. Já a atendida do Lar, Isabela Meira, falou sobre os desafios da adolescência e da juventude em tempos de redes sociais, preconceitos e superações.




3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Como Ajudar

Faça parte da rede de solidariedade da Fundação Beneficente Lucas Araújo. Você pode colaborar de diversas formas: doando dinheiro, sendo voluntário, ou doando materiais e alimentos. Escolha a forma que mais combina com você e ajude a transformar vidas. Clique no botão abaixo e saiba mais.

bottom of page